lazer

Florence, Italy

31.10.13

Florença me lembrou muito Praga, porque de certa forma dá pra traçar muitos paralelos entre elas. Cada a uma a seu modo, elas têm vários elementos em comum (o fato de ter uma "cidade velha" que é o centro; uma ponte linda de destaque, um lugar onde dá pra ver toda a cidade do alto; ruelas estreitas e lindas, etc.), e até ir pra Itália acho que Praga ainda ocupava o primeiro lugar na minha lista de cidades mais bonitas visitadas.

Na lista das 10 cidades mais bonitas do mundo, aliás, Praga é o terceiro lugar e Florença, o sétimo. O mais legal é que só faltam duas cidades pra eu poder julgar tudo por mim mesma. Das que eu já conheço talvez daria uma mudada nessa ordem, primeiro porque acho até injusto Veneza entrar na competição (no post de Veneza explico por quê). Eu fico muito na dúvida entre Florença e Praga, mas voltemos pra Itália!

Nós chegamos em Florença completamente mortos de fome e fomos fazer check-in. A sorte é que o hostel era pertinho da estação; o azar, que faltava boa vontade, eficiência e educação aos funcionários. Fomos almoçar super tarde e passear um pouco pra tentar ver o que ainda desse - a sorte é que com o horário de verão o sol ainda ficava presente um pouquinho mais.

Primeiro passamos pela igreja de Santa Maria Novella antes de entrar pelas ruelas fofas até chegar na parte da cidade velha e na famosa Piazza del Duomo. É lá que fica a Catedral Santa Maria del Fiore, mais conhecida como Il Duomo por conta do enorme domo que se ergue a 90 metros do chão e se destaca no horizonte da cidade. À frente fica o Batistério de São João, com seus "portões para o paraíso". Ambos os prédios, de arquitetura gótica, são maravilhosos e enormes, super imponentes.

Na Piazza Della Signoria pode-se ver, além do (também enorme e imponente) Palazzo Vecchio, diversas estátuas, incluindo cópias de trabalhos de Donatello e do David de Michelangelo. A praça dá entrada para a Galleria degli Uffizi, museu que tem acervo considerado um dos mais importantes do mundo e que infelizmente não consegui ir (fica pra próxima!). Passando pelo pátio da galeria, chegamos ao Rio Arno e uma linda vista da Ponte Vecchio.
Ponte Vecchio
Palazzo Vecchio
Essa é a ponte mais louca que já vi - ela é cheia de lojas por toda sua extensão, e já era assim desde que foi construída em 1345. Louca - e muito bonita. Pra eu que amo História e Idade Média (incluindo o "depois", haha), foi incrível ir a Florença e ver o local que é considerado o berço do Renascimento ao vivo. 
Não tem muito a ver com o post,
mas olha que gelatos lindos! haha

No dia seguinte nós fomos a Pisa, o que foi um péssimo passeio: não tem nada pra fazer na cidade além de ver a torre, e ainda por cima pegamos muita chuva. A gente deve ter ficado umas 3 horas lá e saímos com muito gosto! A torre não é nem tão torta, nem tão alta (hehe), mas registramos as fotos e saímos. 

De volta a Florença, demos azar porque era uma segunda-feira e nada (de museus e afins) funciona. Então só pudemos conhecer o Palazzo Pitti e os Jardins de Boboli pelo lado de fora, um tanto frustrante. Mas, para encerrar, subimos os milhões de degraus até a Piazzale Michelangelo para conferir a vista mais bonita da cidade. 


Não dá nem pra mostrar nas fotos o quanto a paisagem é linda: você vê mais de perto trechos conservados da murada medieval que costumava proteger a cidade; e ao longe as montanhas com a cidade espalhada entre elas e a linha do horizonte bem preservada (não há prédios de vários andares e tal). As únicas coisas que se destacam são o rio com suas pontes, o Duomo e a torre do Palazzo Vecchio. É maravilhoso ver o pôr-do-sol de lá e depois apreciar a cidade à noite. Foi uma despedida digna da linda Florença!

You Might Also Like

0 comentários

FOTOS